Novidades

Chile ganha o World Travel Awards 2016

Destaques / Homepage / LifeStyle / Todos / Viagens / 31/08/2016

Chile se consolida como o melhor destino de turismo aventura

Em uma cerimônia realizada em Lima, o World Travel Awards reconheceu o Chile pelo segundo ano consecutivo como o destino lider em turismo aventura da América do Sul. Este prêmio, que foi conquistado pelo voto direto de pessoas indicadas em um lista definida por especialistas, deixa o Chile em uma posição privilegiada internacionalmente.

Para obter o prêmio na categoria de Melhor Destino de Turismo Aventura da América do Sul, o Chile teve que competir com importantes referências da indústria turística, como Argentina, Brasil, Colômbia, Equador, Peru e Uruguai.

Desde 1993, o World Travel Awards destaca a excelência da indústria e premia os melhores com o que hoje é reconhecido como o “Oscar” do turismo.

O reconhecimento permite ao Chile se diferenciar como um destino turístico no mundo e entrega uma valiosa oportunidade para a sua divulgação, pelas atraçōes e atividades que podem ser desenvolvidas no segmento de turismo de aventura.

As grandes barreiras geográficas que fazem parte do Chile, como o Deserto de Atacama ao norte, o Oceano Pacífico em toda a costa oeste, a imponente Cordilheira dos Andes ao leste e a Patagônia no território antártico no extremo sul, diferenciam o país, onde é possível praticar atividades de aventura em lugares onde o homem nunca colocou os pés.

Visando os prêmios, para chamar ainda mais a atenção para o Chile e estimular as pessoas a destacar sua preferência pelo país, a Fundação Imagem do Chile liderou uma campanha digital, em coordenação com a Subsecretaria de Turismo, Sernatur e Turismo Chile, que entre 22 de março e 6 de maio deste ano atingiu mais de 2,7 milhōes de usuários de redes sociais.

Carretera Austral Aysen

Carretera Austral Aysen

Torres del Paine (2)

Torres del Paine

Turismo aventura pelo Chile

Norte e Deserto de Atacama

Para aqueles que praticam parapente, a cidade de Iquique está entre os dez melhores lugares do mundo para voar. Nesta área, entre o Deserto de Atacama e o Oceano Pacífico, não estão apenas as melhores condiçōes para o sobrevoo, mas também um clima temperado que convida para aproveitar as praias e a vida ao ar livre.

A alguns quilômetros mais ao sul está San Pedro de Atacama, um povoado localizado no meio do deserto mais árido do mundo que é a base para explorar e percorrer esta impressionante região. Aqui estão o Salar de Atacama, o Valle de la Luna, os Geysers del Tatio, a Cordillera de la Sal, entre muitos outros acidentes geográficos que motivam a exploração e a aventura.

Tem ainda os vulcões que rodeiam esta paisagem como vigilantes permanentes. E escalar estes vulcões é uma experiência que requer pelo menos dois dias de viagem. Se destacam o Licancabur, o Láscar e o Llullaillaco.

Os Glaciais e o esqui no Valle Central

Mesmo estando em extinção, há mais de 2.000 glaciais no Chile, e boa parte deles não é conhecida. Próximo de Santiago, a capital, é possível chegar até eles por meio de caminhadas de quatro a cinco horas. O Glacial El Morado está no interior do Cajón de Maipo, e sua rota de acesso permite ver como é possível sair, em pouco mais de uma hora, da área urbana para uma vegetação mediterrânea.

Durante o inverno a neve que cai na zona central da Cordilheira dos Andes permite o acesso às melhores pistas de esqui do cone sul. As atividades para experts, principiantes, caminhantes e aventureiros têm a imponente montanha como a coluna vertebral que percorre todo o continente chileno. O esqui se destaca, claro, mas há também o snowboard, o tubbing, a caminhada com raquete (snowshoe), entre outros.

O extremo sul e a Patagônia

A Carretera Austral tem mais de 1.200 quilômetros, que vão desde Puerto Montt até Villa O’Higgins. A maior parte da rota é de cascalho e exige um espírito aventureiro, além de um pouco de paciência, para a visita, pois a travessia pode não ser fácil. Mas o esforço de percorrer a estrada, porém, tem sua recompensa, e a cada quilômetro há sempre lugares para fotografar. Lá estão bosques, rios, cascatas, lagos, fiordes, montanhas e glaciais.

O Parque Nacional Torres Del Paine se encontra no extremo sul da Patagônia chilena. Foi declarado Reserva da Biosfera pela UNESCO em 1978. É um espaço protegido de 227 mil hectares, com uma comovente rede de ecossistemas, que conta com lagos, glaciais, rios, pradarias, cascatas, bosques e suas particulares torres de granito. Estas atracōes têm colocado o Chile como um dos melhores destinos naturais do planeta, de acordo com a revista National Geographic Traveler.

Um de seus circuitos mais famosos, o W, foi selecionado pela revista Lonely Planet como o melhor trekking de múltiplos dias do mundo, mas sem muita altitude. O circuito foi selecionado por sua variedade de espetaculares vistas e por ser uma das melhores formas de conhecer a Patagônia Chilena.


Tags:, , ,



Elite Magazine
A Revista Elite há 18 anos cria e acompanha as tendências do mercado de luxo.




Post Anterior

TRIPADVISOR: LOCAÇÕES DE FILMES QUE VOCÊ PRECISA CONHECER

Próximo Post

Vai ter neve no Valle Nevado quando eu for esquiar?





Você também pode gostar de



0 Comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>


Mais histórias

TRIPADVISOR: LOCAÇÕES DE FILMES QUE VOCÊ PRECISA CONHECER

TripAdvisor, site de planejamento e reserva de viagens, lista os 10 locações de filmes que você precisa conhecer   Ko...

30/08/2016